segunda-feira, 8 de julho de 2013

Adestramento de Calopsita

As calopsitas têm seu nome derivado de uma palavra alemã "kakatielje", que significa "pequena cacatua". O nome científico é Nymphicus hollandicus, que significa "Deusa da Nova Holanda", antigo nome da Austrália (entre 1700-1800).
Com sua beleza exótica destacada pela crista ereta, ornamenta o ambiente onde está. Torna-se ainda mais atraente por seu tamanho médio, de cerca de 30cm, e grande diversidade de cores.
Permite compor viveiros com diversidades de espécies...
uma característica restrita à maioria das aves, aceitando com o seu temperamento pacífico também o convívio com pássaros menores.
As qualidades vão além. Não incomoda a vizinhança por não ser barulhenta e pode nos trazer alegrias adicionais, aprendendo a falar e assobiar. É ainda fácil de criar, pois come pouco, reproduz-se com facilidade e não é destruidora, além de viver bastante, em média 20 anos. A calopsita é bonita, fácil de criar e muito calma. Se acostumada desde filhote, aprenderá até mesmo a comer na mão, ser pega na mão e ficar no ombro.
Ainda que muitos criadores não recomendem criar a calopsita solta, pois temem que seja pisada por alguém ou atacada por algum outro bicho, há muita gente que opta por isso, pelo menos por um tempo. Muitas gracinhas e surpresas ela pode lhe oferecer.
Além de fiel, também é extremamente inteligente. Elas se apegam às pessoas da casa e normalmente quando as vêem, assobiam e se aproximam das grades da gaiola para as observarem de perto e acompanharem atentamente suas atividades. Se for educado desde pequenina com certeza será muito carinhosa e dócil. A crença que uma Calopsita é capaz de cantar apenas trechos isolados de músicas é puro mito, pois existem Calopsitas que chegam a cantar o Hino Nacional inteiro, outro mito que cai por terra é que as Calopsitas machos apenas cantam e não falam e vice-versa.
Uma Calopsita macho poderá falar tanto quanto uma fêmea, basta a frase escolhida por seu dono ser pronunciada diariamente preferencialmente quando ela for retirada da gaiola para receber as carícias de seu dono.
O melhor de tudo é que não existe o menor segredo para se adestrar este simpático animal, pois a conquista provém da paciência do dono em ensiná-las a cantar e a falar. A única dica que deixamos neste tópico é não interromper uma música para ensinar outra, para ensinar outras canções certifique-se primeiro de que ela aprendeu a primeira. Caso contrário você correrá o risco que ela misture trechos de várias canções simultaneamente, e ao mesmo tempo não aprenda nada. Alguns criadores usam mp3, CDs e programas de computador para ensiná-las a falar ou cantar.

Amansando a calopsita


Antes de tudo tenha em mente que embora não doa muito, as calopsitas bicam. É a forma que elas têm de conhecer e experimentar tudo ao seu alcance.
Muitas vezes bica e utiliza a língua junto, para sentir o gosto. Outras vezes bicam levemente e repetidamente, em um ato de carinho. E, geralmente, antes de uma bicada mais forte, ela grita e avisa!
Raramente calopsitas mansas bicam com força e, no manuseio de calopsitas bravas, pode ser necessária uma luva, apesar de que como já mencionados a bicada não é das piores... Se desde filhotes são alimentadas e manuseadas, acostumam-se e ficam dóceis, chegando a pedir “cafuné”. Entretanto, quando se adquire uma mansa, pode levar algum tempo até ela se acostumar com o novo dono e o até então desconhecido ambiente.
Com paciência, presença constante e falando com ela, aos poucos ela vai se acostumando, mesmo reclamando, que se pegue nela.
Uma técnica bastante utilizada seria deixar o poleiro mais baixo para ficar mais próximo do alcance das mãos. No entanto, se a calopsita que adquiriu é brava você poderá acostumá-la dando comida pelo lado de fora. Nessa hora, com a gaiola no chão, aproxime a mão perto dela lentamente, até o momento em que ela se entregar. Pronto. A partir daí a interação só irá aumentar.
É muito importante salientar que infelizmente não há uma regra específica que seja infalível para o amansamento.
O relacionamento entre o dono e a ave é muito sutil, mas definitivamente ela é assustadiça: evite berros, movimentos bruscos e demonstre sempre carinho. Boa sorte!!! :*

Nenhum comentário:

Postar um comentário